Fleeing the Complex

382.110
classificações
9,6

Você está preso dentro de uma pequena cela de prisão e precisa escapar não apenas de sua cela, mas de toda a prisão! Se você falhar, a morte está esperando por você ... Fleeing the Complex é um incrível jogo de fuga de bonecos de palitos. A prisão altamente protegida é guardada por alguns soldados de pau fortes. Você terá que tomar decisões boas e rápidas para sair vivo. Boa sorte!

Contexto

Lançado em 2015, Fleeing the Complex é a 5.ª e (até agora) última sequência da série de aventuras Henry Stickmin. Como os jogos anteriores (Quebrando o banco, Fugindo da Prisão, Roubando o Diamante e Infiltrando-se no dirigível), o objetivo é escolher os caminhos, ferramentas e movimentos corretos enquanto você tenta entrar ou sair de diferentes lugares para escapar - ou causar - problemas.

Todo o jogo é baseado em raciocínio rápido, estratégia e tomada de decisões. Ao longo do caminho, você encontrará ajuda do meio ambiente e até mesmo de velhos ou novos amigos. Cada sequência está ligada ao jogo anterior (ou seja, Escaping the Prison acontece por causa das ações criminosas de Henry em Breaking the Bank). Nem toda escolha que você fizer levará a um final ruim, mas algumas levam ao "fracasso" desde o início. Em Breaking the Bank, toda escolha será um fracasso. Isso provavelmente é para preparar Henry para sua próxima aventura enquanto ele tenta escapar da prisão. O fato de você não poder realmente prever qual escolha faz mais sentido significa que Fugir do Complexo é tão imprevisível quanto os jogos anteriores (exceto Quebrando o Banco).

Data de lançamento

Novembro de 2015

Desenvolvedor

Puffballs United fez este jogo.

Plataformas

  • Navegador da web
  • Android
  • iOS

Esta versão emula o Flash, pois não é mais amplamente suportada. Você pode jogar a versão original do Flash aqui.

Vídeo

Controles

Os controles são simples. É apresentada uma decisão na tela e, em seguida, clica na opção, ação ou ferramenta que deseja usar.

Propaganda
Propaganda
Propaganda
Propaganda
Propaganda